Início / Notícias / Em mais uma Semifinal acirrada, Iron Hawks vence a Merciless e vai para a Grande Final do Circuito Desafiante 2017

Em mais uma Semifinal acirrada, Iron Hawks vence a Merciless e vai para a Grande Final do Circuito Desafiante 2017

Na quinta-feira (27) tivemos a segunda Semifinal da 2ª Etapa do Circuito Desafiante de League of Legends, agora focando no confronto entre Iron Hawks e-Sports e Merciless Gaming, duas equipes que tiveram seus altos e baixos na Fase de Grupos, além de histórias distintas porém igualmente interessantes, com os falcões de ferro tentando garantir a vaga no CBLoL pela segunda vez neste ano e a Merciless Gaming vindo direto do Torneio de Acesso para ter a chance de jogar contra os principais times do tier 1.

E com todo esse peso em cima das costas dos nossos jogadores, era de se esperar que fôssemos ter todas as partidas possíveis da Semifinal. Como se não bastasse, tivemos um progresso bastante similar ao da Semifinal passada, sendo que a Iron Hawks começou bem vencendo as duas primeiras partidas, depois a Merciless chegou para forçar um empate, e por fim a gloriosa vitória dos falcões que garantiu a vaga para a Grande Final do Desafiante contra a KaBuM e-Sports.

A primeira partida foi um fracasso de resultados para a Merciless, terminando ela com apenas um abate no Chavoso, além de uma Torre derrubada e um Dragão derrotado. Já a Iron Hawks seguiu o passo a passo do League of Legends e venceu uma partida que foi desnecessariamente longa, mostrando que os falcões também estavam cautelosos. No entanto era de se esperar que tivéssemos uma Merciless um tanto quanto afobada na primeira partida, afinal, tudo é bastante novo para a equipe como um todo e o jogo foi claramente afetado pelo quão passiva a Merciless foi nas jogadas.

Após fazer o Barão aos 31′, a Iron Hawks foi em uma rota atrás da outra para derrubar as Torres tier 2, seguido por um ataque devastador na base adversária que deixou só uma das Torres do Nexus em pé. Os falcões retornaram e fecharam a partida aos 36′.

Já a segunda partida foi bem mais diferente. Batendo 51 minutos de jogo, tivemos diversas reviravoltas e jogadas impressionantes de ambos os lados, mas com um destaque para Aslan, que com sua Taliyah atingiu 11 eliminações em apenas 30 minutos. Diferente do confronto passado, Merciless estava muito mais preparada, desde o quão rápido Aslan cresceu na partida até a maneira que a equipe foi garantindo os objetivos. No entanto a Iron Hawks chegou igualmente preparada, aos 26′ Caos roubou o Barão que a Merciless tentou fazer diversas vezes e os falcões garantiram um belo Ace sobre a equipe adversária, igualando tudo e voltando para o jogo.

O confronto continuou acirrado até o fim, houve um momento que a Merciless estava em vias de acabar com a partida graças ao Barão e o Dragão Ancião, mas a Iron Hawks conseguiu segurar o ataque e diminuir o máximo de impacto que receberia contra uma equipe possuindo esses objetivos. Após se defender, os falcões conseguiram eliminar Aslan e receberam a chance de fazer o Barão para vencer a partida. O GG foi chamados aos 51′ quando a Iron Hawks preparou seu último ataque no pouco que restava da base da Merciless Gaming.

Após um confronto intenso como esse surgiu a questão a respeito da Merciless garantir uma vitória para impedir um devastador 3×0 da Iron Hawks. Diferente da primeira Semifinal, as chances estavam um pouco mais a favor da Merciless, já que era claro que ela havia se encontrado na disputa. O terceiro confronto fechou com uma ótima vitória da Merciless, principalmente graças a jogadores como KZ e Aslan.

A partida foi crescendo gradativamente para a Merciless, até que aos 23′ Aslan conseguiu um Double Kill e sua equipe o Barão. Após o objetivo a Merciless empurrou o jogo para a base da Iron Hawks, sendo que tivemos mais um Barão aos 30′ que fez a Merciless quebrar a linha de defesa de sua adversária. O fim da partida chegou aos 37′ e com a ajuda dos super minions, fazendo a Merciless vencer e impedir sua derrota.

O nível se manteve no quarto confronto enquanto a Iron Hawks não estava acertando uma única luta. Com as team fights bem sucedidas, Merciless seguiu em frente e garantiu o First Brick aos 14′, seguido pelas próximas duas Torres tier 1 até os 22′. A partida deu uma acalmada até que os falcões viram a oportunidade de fazer o Barão, e eis que KZ chegou para salvar o jogo da Merciless, atraindo a Iron Hawks inteira para fora do objetivo e os fazendo circular para a Merciless derrotar o Barão no lugar. Dito e feito, KZ guiou a equipe para fora do Barão, transformou em Mega Gnar e impediu a Iron Hawks de garantir o objetivo de volta, como se não bastasse Alocs e Caos foram eliminados logo depois.

Merciless seguiu controlando a partida até fazer o Dragão Ancião, tendo vantagem o bastante para vencer a Iron Hawks sem muito esforço. O jogo terminou aos 40′ e a Merciless conseguiu forçar sua adversária para o quinto jogo.

A última partida foi bem equilibrada, Iron Hawks teve um bom início mas a Merciless retomou em pouco tempo. Pela natureza tensa o foco do jogo ficou nas team fights, Dragões e Barões, enquanto poucas Torres estavam sendo derrubadas. Somente aos 30′ que os falcões conseguiram uma boa vantagem em Torres, derrubando a tier 1 e quase a tier 2 do mid da Merciless por completo. O que parecia ser cada vez mais como um jogo ganho para a Iron Hawks, mudou com Sessh roubando o Barão que ajudaria a vitória da Iron Hawks.

No entanto o Barão não fez muito efeito, Iron Hawks conseguiu se recuperar com o Dragão Ancião e avançar nas Torres da Merciless. Iron Hawks só esperou o Barão voltar para acabar com a partida, chegando aos 42′ com o GG sobre a Merciless e a vaga garantida para a Grande Final do Circuito Desafiante de League of Legends.

A vitória da Iron Hawks e-Sports sobre a Merciless Gaming confirma os falcões de ferro na Grande Final do Circuitão contra a KaBuM e-Sports, e também define a Operation Kino como o 3º colocado do torneio graças as vitórias mais curtas que ela garantiu em sua Semifinal, seguindo o critério de desempate do nosso regulamento.

Veja Também

CCXP 2017: Team One oficializa um ano incrível com a vitória sobre IDM Gaming e a conquista do título do Desafio Promo Arena

Na quinta-feira (7) tivemos os confrontos iniciais do Desafio Promo Arena na CCXP 2017, nela …