Início / Notícias / É hora de voltar! Conheça as escalações das equipes da 2ª Etapa do Circuito Desafiante 2018

É hora de voltar! Conheça as escalações das equipes da 2ª Etapa do Circuito Desafiante 2018

Após um pequeno hiato o Circuitão finalmente está de volta! A 1ª Etapa do nosso campeonato tomou proporções inimagináveis ao reunir algumas das melhores equipes do tier 2, introduzimos grandes promessas no cenário competitivo e terminamos com um grande evento direto da Promo Arena, onde a IDM Gaming surpreendeu todos e garantiu sua vaga no cobiçado CBLoL.

E agora estamos aqui para fechar 2018 com uma série de jogos que possuem tudo para serem alguns dos mais acirrados até o momento, saindo de um Circuitão animalesco para um Desafiante recheado de surpresas, começando pelas equipes participantes.

De todas as equipes da 1ª Etapa, apenas a Operation Kino segue viva, com o campeonato recebendo uma nova leva de jogadores. Nela temos as novatas WP Gaming e Submarino Stars, que vieram pelo Torneio de Acesso e eliminaram a Iron Hawks e-Sports e 5Fox na Série de Promoção, respectivamente. Já do CBLoL temos as favoritas paiN Gaming e Team oNe eSports, e para completar os sexteto, o retorno surpreendente da Redemption eSports Porto Alegre, que chegou com uma line-up bastante familiar.

Então sem mais delongas, é hora de conferir as line-ups oficiais da 2ª Etapa do Circuito Desafiante 2018!


Uma nova tentativa

TOPO Franklin “Aoshi” Coutinho
TOPO Lucas “Saco Loiro” Zanzarini
TOPO Andre “Surskity” Schmidt
CAÇADOR Matheus “Freire” Freire
MEIO Eduardo “Aslan” Nunes
ATIRADOR Humberto “Garo” Peixoto
ATIRADOR Vinicius “Vinibq” Bicudo
SUPORTE Vinícius “Woodboy” Hartmann
SUPORTE Rodrigo “Kalec” Rodrigues

Operation Kino fez uma performance formidável na 1ª Etapa, terminando a Fase de Grupos no topo da tabela e garantindo a passagem pros playoffs no Rio de Janeiro, onde jogou ao lado da IDM Gaming, Flamengo eSports e TShow. Porém, todo o favoritismo caiu por terra quando ela se tornou a primeira vitima dos macacos, agora tendo que lutar mais uma vez para retornar ao CBLoL.

A equipe manteve algumas de suas estrelas, Aoshi, Garo e Kalec continuam como engrenagens fundamentais, enquanto a OPK encontrou novos talentos para formar a sua line-up, como os já conhecidos Aslan, Freire e Woodboy. Com uma escalação extensa e variada, Operation Kino tem grandes chances de fazer parte do almejado top 4.


Detentora da Melhor Torcida do Mundo, agora no Circuitão

TOPO Marcelo “Ayel” Mello
CAÇADOR Carlos “nappon” Rücker
MEIO Thiago “tinowns” Sartori
MEIO Daniel “Grevthar” Xavier
ATIRADOR Pedro “Matsu” Gama
SUPORTE Hugo “Dioud” Padioleau
SUPORTE Antonio “Nano” Neto

Em um momento sem precedentes, uma das maiores equipes do competitivo nacional de League of Legends caiu para o Circuitão, tendo que repetir o mesmo feito que seus comparsas realizaram no passado e retornar para o CBLoL o quanto antes. A famosa line-up da paiN Gaming se manteve quase a mesma, com  o anúncio da saída de takeshi – que agora está na Team One – e a permanência de TinOwns e Matsukaze na equipe em meados de maio.

paiN se encontra em um momento delicado, não só pelo fato de ter sido rebaixada pela primeira vez mas também pelo próprio clima desta etapa do Circuitão, contando com tanto novos rostos quanto mais familiares. No entanto, não dá para negar toda a experiência que uma equipe como a paiN possui, contando com a line-up favorita para subir direto e retornar para a sua casa.


Uma chance de se redimir

TOPO Renan “Nyu” Augusto
CAÇADOR Joao “Zuao” Vitor
MEIO Marcos “Krastyel” Ferraz
ATIRADOR Igor “DudsTheBoy” Homem
ATIRADOR Matheus “Drop” Herdy
ATIRADOR Carlos ”KrlosCarioca” Sagrette
SUPORTE Denilson “Céos” Oliveira

A primeira vez que vimos a Redemption eSports em ação foi no Torneio de Acesso durante as Classificatórias Abertas, estreando no campeonato em primeiro colocado na Classificatória 1 e confirmando presença no top 8. A equipe de POA seguiu na Disputa de Vaga contra a Submarino Stars, perdendo para a promissora equipe e dando um fim na sua tentativa de chegar no Circuitão.

Eis que a Redemption eSports adquiriu uma oportunidade para a redenção ao garantir a vaga da TShow. A escalação dos destemidos Bodes ficou praticamente intacta, desde o toplaner Nyu até o support Céos. Os jogadores são experientes e contam com anos de Lolzinho profissional nas costas, servindo, mais uma vez, como um dos grandes perigos do Circuitão.


Estrelas submergindo e voltando a brilhar

TOPO Francisco “Duclou” Rito
CAÇADOR Cesar “NiT” Barsocchi
CAÇADOR João “PRB” De Britto
MEIO Arthur “Milo” Rodrigues
MEIO Gabriel “Chavoso” Rizzo
ATIRADOR Gabriel “Juzinho” Nishimura
SUPORTE Daniel “Blury” Sarkovas

Submarino Stars foi uma das equipes que garantiu um nível de popularidade exponencial no seu curto mês disputando o Torneio de Acesso, sendo responsável por criar uma grande base de fãs graças as estrelas que a Submarino convocou. O Torneio de Acesso aconteceu, Submarino Stars garantiu uma vaga na Série de Promoção e eliminou a 5Fox, concluindo seu primeiro capítulo no competitivo de League of Legends.

A página foi virada e agora temos uma Submarino Stars quase que completamente renovada. A maioria das estrelas que ajudaram formar esta base não estão mais aqui, mas o sentimento continua através dos novos talentos convocados e dos jogadores que estavam desde o começo, como Juzinho, NiT e Blury.


O retorno dos Golden Boys

TOPO Gustavo “NAME” Rodrigues
CAÇADOR Alanderson “4LaN” Meireles
MEIO Murilo “takeshi” Alves
MEIO João “Marf” Piola
ATIRADOR Nikola “NikolaSENPAI” Dodervic
ATIRADOR Victor “Steal” Araujo
SUPORTE Pedro “Ziriguidun” Vilarinho
SUPORTE Gabriel “Jojo” Dzelme

Lá e de volta outra vez. Team One continua o seu percurso mordaz ao retornar para o Circuitão, campeonato em que esteve uma fase antes de se tornar campeã da 2ª Etapa do CBLoL 2017. Os Golden Boys não conseguiram manter o resultado do passado e acabou caindo para cá, tendo que se reerguer mais uma vez.

Com isso em mente, Team One se reformulou com jogadores talentosos e com um histórico formidável, como NAME (IDM Gaming), takeshi (paiN Gaming) e Ziriguidun (INTZ). Assim como a sua comparsa do tier 1, Team One segue como uma das favoritas desta etapa, passando por mais uma série de tribulações para retornar ao lugar que tanto prosperou.


Os novatos do ano

TOPO Pedro “Lynx” Quintavalle
CAÇADOR Thales “POMBO” Sampaio
CAÇADOR Fernando “Ferchu” Aoki
MEIO Douglas “Vampyrus” dos Santos
ATIRADOR Davi “Davi” Rosalino
SUPORTE Leonardo “Gyeong” Oliveira
SUPORTE Gabriel “Hawk” Gomes

Uma das equipes mais competentes do Torneio de Acesso faz a sua estreia no Circuitão. WP Gaming trilhou uma ótima campanha com sua line-up mas ainda segue como uma perigosa incógnita, representando os azarões desta etapa.

A equipe segue praticamente a mesma, POMBO, Lynx, Vampyrus, Gyeong e Hawk mostraram o que sabem no Torneio de Acesso e a WP quer potencializar com novos jogadores, especialmente Ferchu. A WP é a novata do Circuitão e a imprevisibilidade que permeia seus jogadores será uma das grandes armas contra seus competidores, incluindo os mais favoritos.


Veja Também

Classificatórias pro HCT Rio de Janeiro começam em junho! Confira as datas do campeonato de Hearthstone da América Latina

A disputada Copa América de Hearthstone 2018 retorna na sua terceira temporada com um novo …